Joinville supera a marca de 1 milhão de doses de vacina aplicadas


No sábado (5/2), Joinville superou a marca de 1 milhão de doses de vacina contra a Covid-19 aplicadas. Ao todo, foram administradas 460,6 mil primeiras doses, 433,7 mil segundas doses e 106 mil doses de reforço.

“Esta é uma marca que merece ser comemorada, porque a vacina é nossa principal e mais eficiente estratégia para o combate ao coronavírus”, destaca Jean Rodrigues da Silva, secretário da Saúde de Joinville.

Em março de 2021, logo que a Variante Delta aumentou a taxa de contaminação e a ocupação de leitos, o número de óbitos em 30 dias chegou a 319. Naquele momento, pouco mais de 70 mil doses de vacina haviam sido aplicadas. A taxa de ocupação de leitos se aproximou dos 100%.

Em janeiro de 2022, com a vacinação já avançada, mesmo com a chegada da Variante Ômicron, o número de óbitos foi de 52, a maioria das pessoas com histórico de problemas de saúde ou com comorbidades. Além disso, os índices de internação não sofreram alterações significativas.

Se comparados os dois meses impactados pelas novas variantes, porém considerando os momentos de vacinação bastante diferentes, é possível verificar que o número de óbitos em janeiro de 2022 foi seis vezes menor que em março de 2021.

“Acompanhando o avanço da pandemia, mas com o crescimento de pessoas com a imunização completa, fica claro o papel fundamental que a vacinação teve para amenizar os impactos da Covid-19”, destaca o secretário.

Dedicação e comprometimento

Para que mais de 1 milhão de doses de vacina pudessem ter sido aplicadas, a dedicação e o comprometimento dos servidores da Prefeitura de Joinville foram fundamentais.

A equipe da Secretaria da Saúde passou por mudanças de rotinas, escalas e fluxo de trabalho para poder avançar com a imunização. Para que essa grande força-tarefa fosse possível, a colaboração de servidores de outras secretarias nas atividades administrativas também foi necessária.

Parcerias importantes também foram firmadas para poder operacionalizar a aplicação das doses, como a Associação Atlética Tupy e o Garten Shopping, que cederam suas estruturas para a instalação de salas de vacinação, além do 62º Batalhão de Infantaria, que colabora na organização do fluxo da Central de Imunização do Centreventos Cau Hansen.

“O sentimento é de gratidão! Jamais teríamos conseguido atingir este número tão significativo sem o empenho de cada um dos profissionais que se dedicou muito para que nós pudéssemos levar doses de esperança aos joinvilenses”, agradece Jean.

Comente com o Facebook