Hospital Municipal São José terá mudança do sistema operacional


Na quinta-feira (3/2), a partir das 7h, o Hospital Municipal São José de Joinville (HMSJ) vai iniciar a migração do sistema informatizado de gestão.

Durante o período de transição, que está previsto para ser realizado em 24 horas, todos os registros hospitalares, desde internações, coleta de dados durante consultas médicas, solicitações de exames, prescrição de receituários, informações sobre pacientes e demais serviços, serão realizados manualmente.

Com isso, podem ocorrer situações de atraso e lentidão do atendimento aos usuários e pacientes do hospital.

Assim que o novo sistema estiver em operação, os dados coletados manualmente serão transcritos e constarão no prontuário de cada paciente.

“Contamos com a compreensão da população sobre possíveis atrasos no atendimento. As equipes e profissionais de TI da prefeitura, do Hospital São José e da empresa terceirizada responsável pela operação estarão dedicados para fazer a mudança da forma mais ágil e segura possível”, afirma o diretor executivo do HMSJ, Fabrício da Rosa.

Melhorias operacionais

Após 15 anos em operação, o atual sistema informatizado de gestão hospitalar MV 2000 será substituído pelo MV Soul, trazendo benefícios aos servidores do Hospital São José e aos seus usuários.

Entre as principais melhorias oferecidas pelo novo sistema, estão operação completa pela web, dispensando o uso de módulos distintos para cada aplicação; interface mais intuitiva; documentos de prontuário e laudos integrados; integração dos resultados de exames laboratoriais; implantação de novas funcionalidades, como rastreabilidade de materiais cirúrgicos e módulo específico para tratamento oncológico. Outras novidades são o armazenamento de dados em nuvem, dispensando o uso de servidores locais, minimizando as manutenções, sustentação e monitoramento contínuo do ambiente e sobretudo, melhor atendimento ao paciente utilizando as melhores práticas do ambiente hospitalar.

Comente com o Facebook