2021: o ano das vacinas


Florianópolis se tornou a Capital referência no combate à pandemia. No quesito vacinação, a Capital aplicou 1.026,842 doses. Mais de um milhão de novos recomeços puderam ser proporcionados por vacinadores e toda equipe que se dedicou para este momento. 
 
A afirmação da referência positiva sobre Florianópolis vem dos números deste período e de constatações externas, como a do Instituto Votorantim em setembro de 2021. Os especialistas que participaram do estudo apontam o índice de eficácia diretamente relacionado a medidas tomadas por gestores públicos e orientações dadas à população sobre medidas de prevenção, distanciamento e monitoramento de casos.
 
O “ano das vacinas” foi um grande recomeço para muitas pessoas na Capital. Pessoas como a Nadir da Silva, de 49 anos, que foi a primeira pessoa em Florianópolis a tomar vacina contra Covid-19. Nadir é tecnica de enfermagem e na época foi vacinada no Hospital Florianópolis.
 
Outra história de esperança da vacinação começa com o Centro de Saúde de Balneário, onde a enfermeira Raquel de Siqueira trabalha diariamente para cuidar da população. Raquel atua há nove anos na Prefeitura de Florianópois e está diretamente envolvida com o processo de vacinação na parte continental da Capital. Ela relata que este é um grande momento para sua vida e já vacinou seu pai e marido durante a campanha.  
 
“Foi muito emocionante vaciná-los e receber a vacina. Dentro de todo esse contexto que vivenciamos hoje, a vacina nos dá esperança de dias melhores. Pensar que estamos fazendo promoção e prevenção de saúde em um momento que corremos atrás do prejuízo em relação à Covid é maravilhoso”, comenta a enfermeira.
 
O prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro, também comemora a marca que as vacinas em 2021 deixaram na população. “Desde o começo da campanha da vacinação, contamos com profissionais capacitados que sabiam o que estavam fazendo. Eu me vacinei, vacinei minhas filhas e continuo sendo um grande defensor da vacinação. Sabemos que os números apontam para real esperança que elas trazem”, comenta Loureiro.
 
Em 2022 a Secretaria de Saúde seguirá realizando essa e todas as campanhas de vacinação necessárias para proporcionar saúde pública para Florianópolis.

galeria de imagens


Comente com o Facebook