Itajaí reforça a importância de medidas preventivas nas festas de fim de ano


As confraternizações familiares devem seguir com os cuidados preventivos neste fim de ano. Apesar do avanço nos índices de vacinação com mais de 80% da população imunizada com duas doses e da diminuição de casos, internações e óbitos, a pandemia do coronavírus ainda não chegou ao fim. Por isso, manter as medidas preventivas diminui a chance de contágio da Covid-19 e suas variantes, além da gripe influenza.

Com a chegada da nova variante Ômicron ao país e os surtos de gripe influenza, a Secretaria de Municipal Saúde orienta que a população fique atenta aos sinais e sintomas destas doenças e reforce a prevenção. “As pessoas devem seguir atentas aos cuidados, já que as duas doenças têm sintomas semelhantes. É importante manter o distanciamento social, uso de máscaras, higienização das mãos com frequência, evitar aglomerações e locais fechados, além de buscar por atendimento de saúde em caso de sintomas”, destaca a diretora da Vigilância Epidemiológica de Itajaí, Paola Vieira.

Os principais sinais desta variante da Covid-19 são febre, dor de garganta, dor de cabeça, dores articulares, além de tosse e obstrução nasal. Em alguns casos pode ocorrer vômitos e diarreias. Já os casos de síndrome respiratória aguda grave têm os seguintes sintomas: febre súbita, dor de garganta, dor de cabeça, dor muscular, dispnéia, sinais de desconforto respiratório ou aumento da frequência respiratória, entre outros.

Caso apresente algum sintoma, afaste-se de suas atividades e busque uma unidade de saúde para receber tratamento adequado. Casos leves podem ir diretamente à unidade básica de saúde mais próxima de casa; já os pacientes com sinais moderados e graves devem se dirigir à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24h do Centro Integrado de Saúde (CIS), no bairro São Vicente.

Os exames para diagnóstico da Covid-19 são solicitados pelo médico e podem ser realizados no CIS ou laboratórios conveniados, de acordo com a indicação. O Município de Itajaí realiza apenas exame em casos de suspeita de gripe influenza em pacientes internados, conforme protocolo já instituído pelo Ministério da Saúde. Até esta quarta-feira (22), nenhum caso de influenza foi confirmado na cidade, segundo os critérios solicitados pelo Governo Federal.

> Clique aqui para acessar os contatos das Unidades de Atendimento à População

Confira as medidas preventivas e proteja-se:

– Vacine-se contra Covid-19 e estimule a vacinação em seu círculo social. A Secretaria de Saúde de Itajaí indica que a população, que ainda não se vacinou, fique atenta ao número de doses e também ao intervalo determinado para que alcance a imunização completa.

– Fique atento à dose de reforço. Se já passou quatro meses da última dose do esquema vacinal primário, está no momento de receber a dose de reforço. Lembrando que no caso de grávidas, puérperas e lactantes o prazo é de cinco meses.

– Prefira locais abertos ou espaços ao ar livre, bem ventilados e sem aglomerações.

– Use máscara de maneira adequada, cobrindo o nariz e a boca. Mantenha seu uso em locais fechados. Dê preferência às de maior de qualidade, como as N95, PFF2 ou similares. Além disso, leve sempre uma máscara limpa extra, para o caso de necessidade de troca.

– Higienize suas mãos com frequência, utilizando água e sabão ou álcool em geral 70% e evite compartilhar objetos pessoais.

– Prefira frequentar ambientes e eventos onde o protocolo de “Evento Seguro” esteja instituído e autorizado pela autoridade competente.

– Redobre o cuidado durante viagens, em aeroportos, estações de ônibus, transporte público, postos. 

Fonte:

Comente com o Facebook