Atividade promove educação no trânsito entre alunos da Rede Municipal

- PUBLICIDADE -


Na terça-feira (14/12), cerca de 650 alunos da Escola Municipal Monsenhor Sebastião Scarzello, no bairro Itaum, aproveitaram o último dia do ano letivo em uma programação repleta de interatividade e aprendizado sobre segurança no trânsito, com a ação social Parceirinhos da Guarda.

- PUBLICIDADE -

A atividade foi realizada pela Secretaria de Proteção Civil e Segurança Pública de Joinville (Seprot), por meio da Guarda Municipal e da Escola Pública de Trânsito (EPTRAN), e oferece um roteiro de atividades lúdicas e educativas.

Em um dos espaços, a equipe da EPTRAN orienta os estudantes sobre importantes dicas de segurança no trânsito, tais como atravessar a rua usando a faixa de pedestres, uso das ciclovias e das calçadas.

A ação contribui, também para que as crianças se tornem multiplicadoras das boas práticas, já que levam para os pais e familiares importantes regras, como não usar o telefone celular ao dirigir, não parar em fila dupla, uso de cinto de segurança inclusive para os passageiros que viajam no banco traseiro, uso das cadeiras e assentos de segurança, respeito às vagas de estacionamento destinadas a deficientes e idosos.

“A Escola de Trânsito tem o objetivo de educar para salvar vidas. Trazemos o cotidiano do aluno para dentro da escola. A partir da consciência das crianças podemos ter um trânsito melhor, mas ele só vai mudar se todos nós mudarmos os nossos hábitos e os nossos comportamentos”, destaca a gerente da EPTRAN, Melissa Puertas.

Além de promover a educação no trânsito, o Parceirinhos da Guarda tem o objetivo de aproximar a comunidade à Guarda Municipal, levando aos alunos mais conhecimento e informação sobre o serviço de segurança.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal de Joinville, Eduardo Ferraz, envolver crianças e adolescentes em ações educativas é uma forma de fortalecer o relacionamento e a confiança entre a população e as forças de segurança pública.

“Acreditamos que a prevenção traz mais benefícios do que agir de forma repressiva. Ao estarmos próximos, os alunos percebem que a Guarda Municipal é parceria e que está à disposição para ajudar. Nossa presença nas escolas é para dar segurança aos alunos, professores e a todo corpo escolar. Estamos presentes porque somos Parceirinhos e pertencemos à comunidade”, destaca Ferraz.

Para expressar essa parceria, membros da corporação praticantes de Jiu-jitsu e Karatê fizeram demonstrações das artes marciais e de algumas técnicas de defesa pessoal, reforçando valores como disciplina, respeito e dicas importantes como, por exemplo, não acompanhar pessoas desconhecidas.

Outra atividade que despertou a curiosidade das crianças foi a visita às viaturas e ao ônibus da Guarda Municipal. Além de conhecerem os veículos e interagirem com equipamentos como sirenes e giroflex, todos puderam conhecer de forma mais detalhada a rotina de trabalho dos guardas.

Para a diretora da Escola Municipal Monsenhor Sebastião Scarzello, Ilma de Souza Alves, a importância de conscientização das crianças sobre educação no trânsito foi algo já comprovado na própria instituição.

“Muitos acidentes aconteciam no entorno da escola. As famílias não tinham o hábito de atravessar na faixa de pedestres e fizemos um trabalho de conscientização com as crianças, que gerou mudança desse comportamento. Houve melhorias na sinalização e, hoje, dificilmente vemos famílias atravessando fora da faixa. Desde 2018, não tivemos mais acidentes com famílias no nosso entorno”, relata a diretora.

As crianças que participaram da ação realizada pela Guarda Municipal e pela EPTRAN, receberam o certificado de Parceirinhos da Guarda, além de cartilha educativa e ilustrações para colorir.

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News