Prefeitura assina termos de credenciamento com Blusol e Viacredi para a operacionalização do Programa Juro Zero


Na tarde desta quarta-feira, dia 17, o prefeito Mário Hildebrandt assinou termo de credenciamento com a Instituição Comunitária de Crédito Blumenau Solidariedade – ICC Blusol e a Cooperativa de Crédito Vale do Itajaí – Viacredi para viabilizar recursos financeiros aos interessados em adquirir empréstimos sem o pagamento de juros por meio do Programa Juro Zero.

A assinatura dos termos de operacionalização do programa com as duas instituições financeiras contou com a participação da vice-prefeita, Maria Regina Soar, secretário de Desenvolvimento Econômico de Blumenau, Sylvio Zimmermann, além de representantes do Blusol, Viacredi e Associação de Micro e Pequenas Empresas de Blumenau (Ampe).

Com a medida, a Prefeitura oficializa o início da operacionalização do programa no município, permitindo que os interessados possam comparecer junto às instituições financeiras para fazer a solicitação de adesão ao Juro Zero, bastando procurar uma das 32 agências disponíveis da Viacredi ou se dirigir ao Blusol, na Rua Paulo Zimmermann, 55, no Centro.

Além do atendimento presencial, o Blusol conta também com um canal de informações sobre as regras de adesão ao programa pelo telefone (47) 3144-9500 ou pelo WhatsApp pelo número 99927-6483. O e-mail da instituição é o [email protected]

O prefeito Mário Hildebrandt destaca a importância do programa como mais uma ferramenta à disposição dos empreendedores. “O Juro Zero é a oportunidade de mudança e ajuda para os pequenos empresários de Blumenau e fico muito feliz em ver a realização de mais uma etapa do programa acontecendo. É dever da gestão trabalhar para transformar a vida das pessoas e o Juro Zero é parte desse processo”, diz.

Programa Juro Zero

Em sua segunda edição, o Programa Juro Zero integra uma das ações imediatas do Plano de Retomada Econômica lançado em julho do ano passado pela Prefeitura em parceria com representantes da iniciativa privada. Foram contemplados 313 negócios em Blumenau em 2020, disponibilizando naquele período R$ 2 milhões de empréstimos sendo os recursos 100% utilizados.

Com mais esta etapa, o programa disponibiliza aos empreendedores a quitação do empréstimo em até 12 parcelas, sendo as duas últimas pagas pela Prefeitura no caso das 10 primeiras parcelas serem quitadas em dia. Por meio do Juro Zero, os MEIs podem contrair até dois empréstimos de R$ 5 mil, sendo liberado o segundo crédito somente após a quitação do primeiro. No caso das MEs e EIs, o programa disponibiliza até dois empréstimos de R$ 10 mil, seguindo os mesmos critérios.

Além de trazer incentivo à formalização dos MEIs, reduzindo o número de profissionais que atuam na informalidade, esta nova etapa do Programa Juro Zero tem como objetivo mitigar os impactos da pandemia do Coronavírus que assola o país desde março de 2020.

“Pelo DNA empreendedor que a cidade comporta, somos município de destaque no país e esta parceria oficializada no dia de hoje se traduz em mais um momento feliz para a cidade, assegurando que estamos vivendo uma nova etapa no aquecimento do setor econômico no município. A Prefeitura está fazendo sua parte como gestor público e assegurando desta forma um futuro mais promissor para sua gente”, diz Sylvio Zimmermann.

Como funciona o Juro Zero:

– Como na edição lançada em julho do ano passado, esta nova etapa do Programa Juro Zero concede empréstimos com teto máximo de R$ 2 milhões sem pagamento de juros.

– Beneficio contempla Microempreendedores Individuais (MEIs), Micro Empresas (MEs) e Empreendedores Individuais (Eis) com juros subsidiados pela Prefeitura.

– Permite a efetivação de 400 contratos na cidade no valor de R$5 mil ou até 200 no valor de R$ 10 mil.

– Quitação dos empréstimos em até 12 parcelas

– Com o pagamento das 10 primeiras parcelas em dia, Prefeitura paga as duas últimas

– os MEIs podem contrair até dois empréstimos de R$ 5 mil, sendo liberado o segundo crédito somente após a quitação do primeiro.

– MEs e Eis, o programa disponibiliza até dois empréstimos de R$ 10 mil, seguindo os mesmos critérios

– Os empréstimos devem ser solicitados diretamente com as instituições financeiras, que vão fazer o cadastro dos interessados na adesão junto ao programa.

– Prefeitura acompanha e fiscaliza os contratos, incentivando e capacitando os empreendedores a alcançar os melhores resultados.

Assessor de Comunicação: Joni César

postada em 17/11/2021 15:39 – 71 visualizações

Fotos

Comente com o Facebook