Procon de Itajaí promove Mutirão Limpa Nome entre 22 e 26 de novembro


A Procuradoria de Defesa do Consumidor (Procon) de Itajaí, em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Itajaí (CDL), promove pela primeira vez o Mutirão Limpa Nome: Você de Nome Limpo em Itajaí, entre os dias 22 e 26 de novembro . No evento, o consumidor que tiver pendências com algumas empresas participantes poderá melhores condições para negociar e pagar suas dívidas. O objetivo é possibilitar a regularização da situação financeira dos itajaienses e reduzir a inadimplência na cidade.

Como empresas participantes do evento são: Celesc, Lojistas de Itajaí (CDL), Oi, Tim, Vivo, Claro, Caixa Econômica Federal, Banco Itaú, Banco Santander e Banco do Brasil. “É uma ótima oportunidade para o consumidor negociar suas dívidas com as empresas participantes e limpar o seu nome junto aos órgãos de proteção ao crédito (SPC, SERASA, etc.), pois as empresas estão usando as condições especiais durante o mutirão”, procurador do município, Salesio Pedrini.

Uma negociação de dívidas negativadas traz benefícios para os consumidores como poder requerer empréstimos, utilizar cartões de crédito, financiar a casa própria ou veículo, quanto à aprovação de crédito. Com as dívidas negociadas, o consumidor também fica mais tranquilo para planejar sua vida financeira e não ficar novamente endividado.

“A expectativa é que os consumidores aproveitem a oportunidade para limpar o nome e voltem a usar o crédito de forma consciente e de acordo com o planejamento doméstico. O Procon orienta que o crédito deve ser usado com consciência e responsabilidade, dentro de um planejamento, para não se tornar uma dor de cabeça”, reforça Pedrini.

Para participar do mutirão, basta acessar o site do Procon de Itajaí pelo link procon.itajai.sc.gov.br, preencher o formulário e agendar seu atendimento. O evento será realizado no Ginásio Gabriel João Collares, localizado na Rua Alberto Werner, n ° 44, no bairro Vila Operária, próximo da Prefeitura. A ação seguirá todas as exigências sanitárias de prevenção à Covid-19.

Comente com o Facebook