Mais de dois mil depósitos eliminados em mutirão contra a dengue


Mais de dois mil depósitos potenciais para larvas do mosquito Aedes aegypti foram eliminados em ação da Vigilância em Saúde Ambiental da Prefeitura de Chapecó, realizada neste sábado.

Foram eliminados 250 depósitos no bairro São Cristóvão, 1,3 mil no Cemitério Ecumênico Municipal e 600 do cemitério da Linha Tomazelli.

De acordo com a coordenadora da Vigilância em Saúde Ambiental, Karina Giachini, no bairro São Cristóvão foram realizadas 539 visitas, sendo tratadas e vedadas 13 caixas de água e cisternas, aplicado larvicida em 13 locais, recolhidos sete pneus e atendidas 14 denúncias. Foram emitidos 22 termos e solicitações para adequação dos moradores.

O objetivo da ação foi reduzir a infestação do mosquito na cidade, que já teve 1166 focos e 64 casos confirmados em 2021.

Participaram da ação 45 agentes de combate a endemias e 66 alunos bolsistas da Unochapecó.

Comente com o Facebook