Concluída a instalação da iluminação do novo acesso ao Sul da Ilha


Notícias de Santa Catarina - SC HOJE NewsFoto: Doia Cercal/Secom

Concluída neste sábado, 6, a instalação da iluminação pública do acesso ao Sul da Ilha, no trecho de 11 quilômetros entre o Trevo da Seta e o Floripa Airport. Essa instalação complementa uma das maiores obras de mobilidade urbana dos últimos anos na Grande Florianópolis: o novo acesso ao Sul da Ilha.

Orçado em cerca de R$ 6 milhões, o serviço foi contratado por R$ 4,6 milhões com a empresa vencedora da licitação, a Botega Montagens Elétricas Ltda., com sede no Sul de Santa Catarina.

São 299 postes com cerca de 11 metros de altura, de iluminação de LED, em todo o trecho, o que confere maior eficiência energética e consequente economia de energiae tecnologia que permite gestão e monitoramento ponto a ponto das luminárias. A maior parte do cabeamento é subterrâneo.

“Essa assinatura representa a finalização de um ciclo, o atendimento de uma demanda aguardada desde 2014. Primeiramente entregamos a obra que resolveu o problema das intermináveis filas no Sul da Ilha e agora solucionamos a iluminação”, destacou o secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, tenente-coronel Thiago Vieira.

Oito anos de espera

Mesmo sem obrigação legal de fazer a iluminação pública, o Estado assumiu o serviço de instalação, por meio de uma parceria com a Prefeitura de Florianópolis, que ficou responsável pelo projeto.

O acesso ao Sul da Ilha, que hoje absorve 60% do tráfego da região, desafogando a SC-405, no Rio Tavares, era uma obra aguardada desde 2013. O trabalho no trecho começou em 2014, mas foi a partir de 2019 que mais da metade dos serviços foram executados. O custo total foi de R$ 219 milhões, sendo R$ 77 milhões somente em desapropriações.

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Mais informações para imprensa:
Bianca Backes
Vanessa Pires
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Infraestrutura e Mobilidade
(48) 3664-2008 / 9-84148268
[email protected]

Fonte: Governo SC

Comente com o Facebook