Paulinha defende criação de Departamento de Proteção Animal vinculado à Secretaria de Saúde


A deputada Paulinha (sem partido) defende a criação de um Departamento de Proteção Animal vinculado à Secretaria Estadual de Saúde.

Dez dias depois do 2º Encontro Anual de Líderes, liderado pelo Movimento#Juntos, coordenado pela deputada Paulinha e prefeito Paulinho, que aconteceu em Canelinhas e reuniu mais de 700 lideranças catarinenses, uma pauta abraçada pela parlamentar está sendo acolhida pelo governador Carlos Moisés.

Na ocasião, a deputada Paulinha entregou em mãos ao governador um documento assinado por mais de 40 ativistas da proteção animal catarinense, solicitando o apoio do governo do Estado na criação de um programa efetivo para a adoção de políticas públicas dessa causa.  

Entre os encaminhamentos enumerados no documento está justamente a criação emergente de um Departamento de Proteção Animal vinculado à Secretaria Estadual de Saúde e que possa por meio dela promover uma política interssetorial, envolvendo os setores de segurança, meio ambiente e vigilância sanitária. Além disso, foi pleiteado recurso orçamentário ao menos na ordem de R$5 milhões. “ Para que ainda possamos iniciar campanhas de castração e chipagem em massa nas comunidades mais carentes, tendo como intermediador dessas políticas os municípios que desejarem aderir ao programa”, disse a parlamentar.

“Sabemos que o governador protege animais de rua e é sensível à causa. Nosso gabinete foi procurado por vereadores e líderes da proteção animal com o propósito de trazer sugestões para a construção de uma política de proteção animal para o estado de Santa Catarina, haja vista que hoje nós não temos programas definidos nesse sentido”, comentou Paulinha.

A promoção de campanhas publicitárias de conscientização nas escolas e na sociedade, como forma de orientar o cidadão catarinense quanto à questão de maus tratos e adoção responsável, foi outro pleito solicitado.

Por fim, foi pedido a criação de um protocolo único no estado para o atendimento de denúncias de maus tratos feitas pelo 190, bem como construir com comando da PMSC um POP (Procedimento Operacional Padrão), a exemplo do POP que existente para outras ocorrências, com procedimentos de atendimento às ocorrências igualmente executadas pelas Polícias Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal, além de promover capacitações e campanhas de conscientização dos envolvidos.

“Demais sugestões gostaríamos de encaminhar tão logo tivermos o departamento criado, para que então, possamos instituir um Conselho Estadual de Proteção Animal e outras políticas correlatas”, informa a parlamentar, comentando que a Casa Civil já iniciou estudos para atender esse pleito.

Valquiria Guimarães
Assessoria de Comunicação
Deputada Paulinha
048 991047676

Comente com o Facebook