PMF faz vistoria contra dengue em cemitérios após feriado de Finados


A Prefeitura de Florianópolis, por meio do Centro de Controle de Zoonoses, realiza durante esta quarta-feira (3) uma ação contra o mosquito da dengue para eliminação de depósitos nos cemitérios da capital após o feriado de Finados. As equipes técnicas estão espalhadas por todos os cemitérios de Florianópolis.
 
Os cemitérios são locais favoráveis à proliferação de focos do mosquito da dengue e são monitorados a cada 15 dias pelos agentes do Centro de Controle de Zoonoses. Considerados pontos estratégicos, um elevado número de focos do Aedes aegypti já foi encontrado durante o ano.
 
Nos dias anteriores ao feriado, a Prefeitura de Florianópolis divulgou e reforçou uma série de orientações para prevenir o avanço de focos do Aedes aegypti, mosquito vetor da dengue, nos cemitérios. Não levar plantas que acumulem água parada, como as bromélias, vasos devem estar devidamente perfurados, embalagens plásticas e de celofane devem ser retiradas dos arranjos de flores e não deixar pratinhos nos vasos de planta são algumas das medidas indicadas.

 
Situação da dengue na capital

Por ordem de número de focos, Centro, Rio Vermelho, Ingleses, Capoeiras, Canasvieiras e Itacorubi são os bairros que lideram as estatísticas. Capivari, o sétimo da lista, está sendo monitorado pelas equipes técnicas há cerca de duas semanas em uma ação de mutirão, controle e prevenção contra o mosquito da dengue.
 
A administração municipal reforça que ocos em raízes e troncos de árvores podem acumular água e tornam-se potenciais criadouros do Aedes aegypti. O preenchimento dos espaços com terra ou espuma expansiva é o indicado para solucionar o problema. Além disso, é essencial observar cotidianamente o ambiente onde se vive para eliminar os criadouros do mosquito.

galeria de imagens


Comente com o Facebook