Dr. Vicente destaca obras de meio bilhão de reais em rodovias no Vale do Itapocu


Deputado participou virtualmente do seminário “SC Não Pode Parar” e criticou baixo volume de recursos federais em obras no estado

Durante o seminário da Campanha SC Não Pode Parar, iniciativa da Fiesc e do Grupo ND, realizada na Associação Empresarial de Jaraguá do Sul, na última quarta-feira (27), o deputado Dr. Vicente Caropreso (PSDB) destacou que os investimentos em execução e programados pelo governo do Estado para melhorar e ampliar a infraestrutura do rodoviária na região do Vale do Itapocu somam mais meio bilhão de reais. 

A soma inclui a obra em execução da duplicação do trecho estadualizado da BR-280, entre Jaraguá do Sul e Guaramirim, e a revitalização da SC-110, entre Pomerode e Jaraguá do  Sul, que será autorizada nesta sexta-feira, 29. Também estão na conta   outras obras que estão em fase final de elaboração para serem licitadas:  a duplicação da SC-108, entre Guaramirim e Massaranduba, a pavimentação da SC-414 entre Luiz Alves e Blumenau e a obra do Contorno Oeste  de Jaraguá do Sul, que será uma nova rota entre a BR-280, na altura do Bairro Nereu Ramos, e a SC-110, que liga Jaraguá do Sul a Pomerode.

“Contabilizando o que foi feito, o que está sendo feito e o que está programado, teremos um investimento superior a meio bilhão do governo estadual. Um volume de recursos que nunca foi pensado que pudesse acontecer em tão pouco espaço de tempo. Estamos vigilantes, trabalhando e garantindo a atenção do Estado também para a região da Amvali, para que essas obras, que há muito tempo são esperadas pudessem de fato acontecer.”

O parlamentar detalhou a execução da duplicação do trecho estadualizado da BR-280, entre Jaraguá do Sul e Guaramirim. O governo estadual está investindo cerca de R$ 185 milhões, somando as indenizações. Ele destacou que a execução da primeira fase da obra gerou economia de R$ 8,5 milhões, o que possibilitou que fosse executada também a pavimentação de vias marginais, algo que não estava no projeto original.

No seminário o deputado comunicou que aguarda para novembro o lançamento da licitação da duplicação do trecho de 20 quilômetros da SC-108, entre Guaramirim e Massaranduba. A obra tem previsão de investimento de R$ 200 milhões. Ainda este ano também deve ser licitada a pavimentação da SC-414, entre Luiz Alves e Blumenau, cujo maior trecho passa pelo município de  Massaranduba.

Cegueira
Dr. Vicente também criticou a falta de investimento para que  obras em rodovias federais que cortam Santa Catarina, como a duplicação da BR-280 entre Jaraguá do Sul e São Francisco do Sul, possam ter um ritmo mais acelerado. “A falta de um investimento maior compromete o desenvolvimento do estado, paralisando a  logística de transporte. Não podemos ficar parados diante da cegueira do governo federal para com Santa Catarina. É preciso que ele ajude mais o nosso estado.”

O deputado também criticou o abandono de projeto de novas ferrovias em Santa Catarina. Citou o projeto da ferrovia litorânea, que teria 245 quilômetros de extensão para interligar os portos catarinenses. Conforme o deputado, o Estado brasileiro já gastou mais de R$ 30 milhões no projeto que não foi concluído devido a exigências da Funai para inclusão de um túnel de 57 quilômetros na região do Morro dos Cavalos, em Palhoça.  “Denunciamos isso ao Tribunal de Contas da União e não tivemos resposta. Lobbies esquisitos agiram contra os interesses de Santa Catarina, privaram o nosso estado de ter uma ferrovia importante para a competitividade da nossa infraestrutura de transporte.”

Assessoria de Comunicação

Deputado Dr. Vicente Caropreso – PSDB

(48) 99127 8540

Comente com o Facebook