Naatz sugere maior agilidade ao governo na flexibilização do uso de máscaras


O deputado Ivan Naatz, líder da bancada do PL na Alesc, apresentou Indicação sugerindo ao governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Saúde, maior agilidade no processo de flexibilização do uso de máscaras respiratórias no âmbito do território catarinense, a exemplo do que já vem acontecendo em outros estados do país. O parlamentar justificou que em Santa Catarina a vacinação contra a Covid-19 segue em ritmo intenso, incluindo acompanhamento com a nova ferramenta do vacinômetro, demonstrando uma consistente evolução dos indicadores de vacinação e redução de casos da doença e chegando próximo dos 10 milhões de doses aplicadas.

Segundo ainda dados apresentados pelo governo e observados pelo deputado, mais de 90% da população (vacinável) já foi vacinada com primeira dose e outros 68 % da população (vacinável) já possui imunização completa, o que já permitiu a flexibilização de diversas medidas restritivas por meio de decreto estadual desde o mês de setembro último, principalmente com relação a eventos sociais e corporativos, além de shows e entretenimento, bem como o funcionamento de bares, restaurantes e academias.

Neste sentido, considerando o avanço da vacinação e o fato de que vários municípios já colocaram em prática a exigência de comprovação de vacinação para acesso, circulação, permanência ou utilização de locais de uso público, Ivan Naatz afirma que se faz urgente também a análise e necessidade de flexibilizar as medidas de utilização do uso de máscaras, “como forma de devolver ao cidadão catarinense uma parcela de sua liberdade”, além de contribuir para fomentar ainda mais algumas atividades econômicas que envolvem prestação de serviços e circulação de pessoas.

Comunicação Gabinete 
 

Comente com o Facebook