Prefeitura inicia o desenvolvimento do Master Plan para orientar intervenções urbanísticas junto ao Distrito de Inovação de Blumenau


A Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria de Planejamento Urbano (Seplan), iniciou neste mês de outubro o desenvolvimento do Master Plan, uma ferramenta que tem como objetivo estabelecer diretrizes para o desenvolvimento urbanístico, econômico e tecnológico no território do Distrito de Inovação.

Inicialmente, as diretrizes urbanísticas serão estabelecidas apenas para a área do Distrito, mas as intervenções relativas à legislação e ao incentivo à inovação deverão valer em todo o município. Ainda em fase de estruturação, a estimativa da Prefeitura é de concluir o Master Plan em 12 meses.

O Master Plan irá direcionar uma série de intervenções que envolvem desde a infraestrutura do local até o aprimoramento da legislação. Por isso, o seu desenvolvimento irá contar com a participação de outras secretarias municipais, entre elas a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec), a Secretaria de Gestão Governamental (Segg), além da colaboração de outras entidades acadêmicas, empresariais e da população.

O prefeito Mário Hildebrandt explica que, na prática, o Master Plan terá como prioridade inicial guiar o desenvolvimento urbano, econômico e tecnológico do DIB. “A ferramenta é um conjunto organizado de decisões com o foco no futuro e que vai servir de base para a elaboração futura do Plano Diretor do Distrito de Inovação. Com este princípio, o objetivo é que as diretrizes estabelecidas pelo Master Plan promovam um ambiente diferenciado, especificamente voltado à inovação” explica Hildebrandt. Para o secretário de Desenvolvimento Econômico de Blumenau, Sylvio Zimmermann, “o objetivo é criar uma poderosa sinergia entre o planejamento urbano e o ecossistema de inovação em benefício do município”.

Distrito de Inovação de Blumenau

A elaboração do Master Plan integra propostas para a idealização do DIB, entre elas a Requalificação da Praça dos Músicos + Blumenau Conecta; Deck Antigo Porto; Centro de Inovação com Boulevard ligando com o IPT; Terminal de carregamento de bikes e patinetes elétricos; Parque Ciliar integrado com o Parque Ribeirão do Tigre e o Restauro da Casa Salinger.

Participam ainda a Furb, o Centro de Inovação de Blumenau, o Instituto Gene, além da Associação Empresarial de Blumenau (Acib), Blusoft e Associação de Micro e Pequenas Empresas de Blumenau (Ampe). A Prefeitura de Blumenau, bem como todas as entidades envolvidas no projeto, busca a articulação de três eixos prioritários: inovação urbana, econômica e social, ligando vários atores sociais e econômicos e implementando suas estratégias, ações e políticas no território e na cidade.

O objetivo do DIB é de construir o conceito, as diretrizes, o formato, a delimitação, os objetivos e os recursos envolvidos necessários para o desenvolvimento de uma cidade ideal. Além disso, tem o objetivo de gerar um diferencial – promovendo riqueza econômica, social e cultural proveniente da concentração de diversidade da que será promovida em Blumenau através do distrito de inovação.

A exemplo do @22Barcelona e Vale do Silício, o DIB pretende estudar, compreender e potencializar sua realidade e características, buscando uma identidade e caminho próprio em termos de economia criativa e do conhecimento, uso e ocupação do espaço, colocando as pessoas, suas necessidades e expectativas em primeiro plano.

Além disso, o Distrito de Inovação tem o objetivo de estabelecer ambientes de experimentação e inovação tecnológica e econômica; explorar o potencial de desenvolvimento de pontos turísticos e estratégicos além do fomento às iniciativas públicas e privadas alinhadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

A construção do Distrito de Inovação de Blumenau compreende parte do bairro Itoupava Seca, no qual se encontra inserido o Centro de Inovação Blumenau, a Furb, o Instituto Gene, a Blusoft, a Fundação Fritz Muller, o Oficina Café Coworking, indústrias de grande porte como a Cremer e a Altona, escolas, vários comércios e serviços, além de um alto índice de residências.

Assessor de Comunicação: Joni César

postada em 18/10/2021 13:34 – 11 visualizações

Comente com o Facebook