Município terá novo programa de recuperação fiscal


A partir do dia 1º de setembro, contribuintes em débito com o município de Blumenau poderão quitá-los sem precisar pagar juros ou multa, por meio do Renovar 2021. O programa de recuperação fiscal da Secretaria da Fazenda (Sefaz) terá validade até o dia 30 do mesmo mês.

“O Renovar é sempre um momento esperado para os cidadãos que, por algum motivo, não conseguiram manter em dia o pagamento do IPTU. Em 2020, com os desafios ainda maiores causados pela crise de saúde pública, muitos blumenauenses tiveram dificuldades econômicas por conta da pandemia. Essa edição do Renovar é a oportunidade para que essas pessoas possam quitar suas pendências com o município sem juros ou multas”, explica o prefeito Mário Hildebrandt.

Dívidas tributárias e não tributárias contraídas até 31 de dezembro de 2020 como IPTU, alvarás, contribuição de melhoria e multas estão contempladas no programa. O ISS vencido até 30 de junho deste ano também. Os contribuintes poderão quitar ainda por meio do Renovar 2021 as multas relacionadas ao Procon e da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade. No entanto, não estarão contemplados no programa os débitos relacionados à Vigilância Sanitária e multas de trânsito.

O pagamento deverá ser feito em até 30 dias a partir da emissão da guia, que poderá ser obtida pelo site blumenau.sc.gov.br/cidadão, na aba Renovar 2021. Dúvidas poderão ser esclarecidas pelo callcenter da Dívida Ativa, nos telefones 33816460 e 3381 6461.

Com a medida, a secretaria espera recuperar em torno de R$10 milhões. “Esses recursos poderão ser utilizados na manutenção dos serviços que a Prefeitura presta à população, como os atendimentos em saúde, educação, obras, entre outros”, acrescenta o secretário da Fazenda, César Poltronieri.

Assessora de Comunicação: Aline Franzoi Santos Fleith

postada em 30/08/2021 08:30 – 31 visualizações

Fotos

Comente com o Facebook