Dia Nacional da Luta da População em Situação de Rua é em 19 de agosto


Em 19 de agosto é considerado o Dia Nacional da Luta da População em Situação de Rua. Em Joinville, a Prefeitura conta com uma série de ações para atender esses cidadãos.

Uma delas é o Centro Pop, que presta serviço socioassistencial às pessoas em situação de rua. No local, os usuários têm acesso a banheiros com chuveiros e lavanderia, além de encaminhamento para atendimento psicológico e para o Cepat, em busca de colocação no mercado de trabalho.

Os moradores em situação de rua também devem procurar o Centro Pop para realizar o cadastro que possibilita retirar as marmitas nos Restaurantes Populares. Quando estes moradores estão no CadÚnico, elas retiram gratuitamente o alimento. Quando recebem o Bolsa Família, o custo do almoço é R$ 1, para fazer a refeição no local. Caso opte pela marmita, terá acréscimo de mais R$ 1, referente ao custo da embalagem.

Segundo o coordenador do Centro POP, Cleiton José Barbosa, a população precisa olhar de forma humana e livre de preconceitos para as pessoas em situação de rua. “Cada indivíduo desses tem uma história de vida. E nem sempre foi escolha dele acabar em uma situação de rua. Há um contexto dentro da história de vida dessa pessoa, algum problema estrutural que o levou a essa situação”, explica o coordenador.

Os cidadãos em situação de rua também contam com o Consultório na Rua. A equipe da Secretaria da Saúde de Joinville passa por toda a cidade, realizando em média 120 atendimentos por mês.

Os profissionais seguem uma rota com 12 locais espalhados pela cidade, onde há maior concentração da população em situação de rua. A equipe visita esses pontos pelo menos duas vezes por semana. Também atendem conforme recebem informações de lugares onde o serviço é necessário.

Outra ação da Prefeitura de Joinville são as vagas disponíveis regularmente para acolhimento de pessoas em situação de rua. São 20 vagas na Casa de Passagem Vó Joaquina e cinco vagas no Essência de Vida, via convênio.

Nos dias de frio intenso, a Secretaria de Assistência Social realiza ainda a Ação de Inverno, em que os moradores em situação de rua, após contato com o Centro Pop, são encaminhados para parceiros que oferecem banho, alimentação e local para pernoite. Outra iniciativa realizada durante este inverno foi o acolhimento emergencial no Ginásio Abel Schulz.

O Dia Nacional da Luta da População em Situação de Rua é em memória ao trágico “Massacre da Sé”, quando pessoas em situação de rua foram assassinadas em agosto de 2004, em São Paulo.

Você pode acessar todos os serviços oferecidos para acolhimento de pessoas em situação de rua neste link.

Comente com o Facebook