Conselho Municipal de Saúde retoma plenárias presenciais


O Conselho Municipal de Saúde retomou nesta segunda-feira suas plenárias presenciais, que estavam suspensas desde março do ano passado. De acordo com o presidente do Conselho, o empresário Andre João Telocken, as reuniões mensais vinham sendo realizadas virtualmente.

“Optamos por retomar as reuniões presenciais, mantendo as regras sanitárias, pois a interação é melhor e estimula a participação. Uma das pautas discutidas foi para que os temas passem antes pelas comissões, para chegar nas plenárias já com algum encaminhamento. Também tratamos de aprovações de alguns recursos, já que o conselho é consultivo e deliberativo”, disse Telocken.

Uma das propostas foi a aprovação de um repasse de R$ 1 milhão do município, para o Hospital Regional do Oeste, como auxílio para compensar o aumento de custos durante a pandemia. Diretores do hospital estiveram na reunião, que também aprovou um repasse de R$ 120 mil para custeio do atendimento dos pacientes com AVC, no período antes do credenciamento pelo Ministério da Saúde.

Na reunião o secretário de Saúde, Luiz Carlos Balsan, também apresentou o novo secretário adjunto, Nédio Conci, que vai cuidar da parte técnica da pasta. Conci disse que um dos objetivos é voltar o olhar para a atenção básica, que acabou ficando de lado durante a pandemia.

Comente com o Facebook