Fabiano cobra da Celesc instalação de rede trifásica de energia em áreas rurais

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News


O deputado Fabiano da Luz (PT) criticou a Celesc por não solucionar o problema da rede de eletrificação rural em Santa Catarina. Em pronunciamento, esta semana, no plenário da Alesc, ressaltou que a companhia faturou, somente em 2020, R$ 518 milhões. Porém, até agora o problema sério de queda da energia elétrica no interior, que prejudica agricultores e produtores catarinenses, não é solucionado. “Isto está gerando prejuízo grave a quem quer e precisa investir na principal produção e sustento do desenvolvimento econômico do estado, especialmente consumidores que dependem de energia elétrica intensiva, como produtores de laticínios, suínos e aves.”

Coordenador da bancada do Oeste na Alesc, o deputado ressaltou que, devido à urgência e à necessidade da mudança das redes monofásicas para as trifásicas, que são mais estáveis e conferem maior qualidade no fornecimento, vem cobrando e reivindicando a mudança há muito tempo.

Fabiano também se posicionou na tribuna contra a privatização da Eletrobrás. “Países capitalistas que defendem as privatizações, como os EUA, mantêm o controle de suas empresas de energia, água e rodovias nas mãos das Forças Armadas americanas. No Brasil, querem transformar a energia em mercadoria e entregá-la ao capital estrangeiro.”

Juliana Wilke
Assessoria Coletiva | Bancada do PT na Alesc | 48 3221 2824  [email protected]
Twitter: @PTnoparlamento | Facebook: PT no Parlamento

Comente com o Facebook