Paulinha defende reabertura da Maternidade Chiquinha Gallotti

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News


A deputada Paulinha defende a reabertura imediata da Maternidade Chiquinha Gallotti no Hospital São José em Tijucas, município da Grande Florianópolis. Ela alega que é um absurdo e beira a um retrocesso para a saúde pública catarinense o fechamento de uma unidade voltada para a população. As causas da saúde são abraçadas efetivamente pela deputada Paulinha. 

A Maternidade foi desativada em março de 2018. Foi alegado, na época, dificuldades financeiras para manter o serviço de plantão médico obstétra.      

Paulinha protocolou essa semana no Parlamento uma indicação ao secretário de Estado da Saúde, pleiteando a reabertura da unidade, alegando que  Tijucas possui cerca de 40 mil habitantes e conta apenas com o Hospital São José.

“ A Maternidade Chiquinha Gallotti funcionou ali por mais de 60 anos. Já tem toda estrutura para ser reativada”, disse. Ela comenta ainda que a sua reabertura irá beneficiar não somente aos munícipes tijuquenses, como também eventuais moradores do Vale do Rio Tijucas e Costa Esmeralda, além de, eventualmente, outros pacientes oriundos das demais regiões do Estado de Santa Catarina.

Paulinha comenta ainda que na época do fechamento da maternidade, houve uma reprovação da comunidade. “ A maternidade era referência da região, e com o encerramento das atividades as gestantes tijuquenses e das cidades próximas, foram obrigadas a se deslocarem para outros municípios para realizarem seus partos”, avaliou.

O município de Tijucas localiza-se a 45 km da Capital e faz parte da Grande Florianópolis, sendo cortada pela BR-101 e SC-410.  É berço do Vale do Rio Tijucas, sendo cidade de acesso aos municípios de Canelinha, São João Batista e Nova Trento.

Valquiria Guimarães
Assessoria de Comunicação
Deputada Paulinha
048 991047676

Comente com o Facebook