Camboriú terá duas unidades de conservação regulamentadas

Uma gestão sustentável traz como importante norte, a preservação e uso consciente de seus recursos naturais. A Prefeitura de Camboriú, por meio de sua Fundação do Meio Ambiente (FUCAM), firmou um termo de compromisso para a realização de estudos técnicos para a criação de um Plano de Manejo e Gestão de Recursos. O plano contempla duas Unidades de Conservação (UC) do município.

Para a realização do estudo, foi firmado o termo com as instituições Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI) e Mar de Idéias, que atuarão respectivamente na Área de Proteção Ambiental (APA) do Morro do Gavião, na Limeira e no Parque Natural Sylvio Garcia, no Rio do Meio. Nesta semana, as empresas apresentaram seu plano de trabalho em reunião do Conselho Gestor da APA Morro do Gavião.

“O estudo visa subsidiar a criação do Plano de Manejo, que implica no conjunto de ações necessárias para a gestão e uso sustentável dos recursos naturais assim como de qualquer atividade realizada no interior dessas áreas”, explicou o presidente da FUCAM, Valmor Dalago. 

Criada em 1999, a APA do Morro do Gavião é considerada uma Unidade de conservação de uso sustentável, isto é, onde é permitido o uso da comunidade dentro da área. Já o Parque Natural Sylvio Garcia, criado em 2020, é considerado um espaço de proteção integral, onde apenas é permitido o uso indireto dos recursos naturais, desde que não causem prejuízo à natureza. Sem regulamentação até então, a criação do Plano de Manejo para essas áreas é inédito em Camboriú, e considerado um marco até mesmo em nível nacional. 

“Esses estudos técnicos possuem um alto grau de investimento, por isso, muitos municípios não têm suas UCs regulamentadas. Porém, a Prefeitura através da FUCAM, busca por meio deste Plano de Manejo, conciliar de maneira adequada e em espaços apropriados, os diferentes tipos de usos por parte da população, com a conservação da biodiversidade nesses lugares. Com isso torna-se possível, por exemplo, pensar futuramente em iniciativas de turismo ecológico, trazendo desenvolvimento de forma sustentável para o município”, exaltou o prefeito de Camboriú, Elcio Rogério Kuhnen.

Comente com o Facebook