GMF realiza Operação “A Praça é Nossa” diariamente


Diariamente, os agentes da Guarda Municipal de Florianópolis que atuam no primeiro de três turnos, já possuem endereço certo para atuarem: as praças da cidade. Por meio de uma ação, a chamada “Operação A Praça é Nossa”, os agentes se posicionam nesses locais para garantir a segurança da população que transita nos entornos e também para promover a manutenção da estrutura física desses espaços públicos. 

O patrulhamento nas praças dos bairros vem sendo intensificado no último ano e recebeu este nome de modo a destacar essa ação específica que visa resguardar o bem-estar das pessoas e dos patrimônios públicos em Florianópolis. 

Com a criação do programa “Praça Viva” pela Prefeitura de Florianópolis, que revitalizou mais de 140 áreas de lazer e construiu 18 novas, esse tipo de ação se tornou ainda mais importante para garantir a ordem pública nesses locais.

“Trata-se de uma presença constante, em caráter preventivo, para garantir o uso e a preservação adequados das localidades que possuem um movimento mais intenso de pedestres, ciclistas e motoristas nos seus entornos. A inspiração para essa iniciativa veio do modelo de ‘janelas quebradas’ coibindo as pequenas infrações e incivilidades que levam aos problemas maiores e mais graves”, explica o Secretário de Segurança Pública da Capital, Araújo Gomes.

A Guarda Municipal de Florianópolis completou recentemente, 17 anos de criação e vem buscando atuar cada vez mais, de forma mais próxima da população e integrada com as demais forças de segurança do Estado. A corporação conta ainda com equipes na Ronda Ostensiva do Município de Florianópolis (ROMU) e com o Núcleo de Operações com Cães (NOC), que fazem parte da estrutura da GMF.

Juntos, os 182 agentes integrados ao efetivo, são responsáveis pela realização da Blitz da Lei Seca, e do Sossego; Operações A Praça é Nossa e Fio Desencapado, além do Projeto Guardião. A GMF também participa diariamente da força-tarefa multisetorial que fiscaliza o cumprimento das medidas de controle da pandemia na Capital. 

Qualquer situação de atentado à segurança da população ou necessidade de suporte em ocorrências de trânsito podem ser comunicadas ou denunciadas pelo número 153 da GMF ou pelo 190 da PM.


Comente com o Facebook