Unidades Básicas de Saúde de Joinville iniciam vacinação contra a Covid-19


O sorriso de Zita Santana Delucca, 68 anos, mostrava a satisfação em receber a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Ela foi uma das primeiras pessoas a ser imunizada na Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) Edla Jordan, no bairro Petrópolis, na manhã desta terça-feira (30/3).

Agora, além da Central de Imunização do Centreventos Cau Hansen, os joinvilenses podem optar por se vacinar em uma das nove UBSFs que reforçam o esquema de vacinação na cidade. A iniciativa foi tomada após o município receber um volume maior de doses na última semana.

“A minha filha já tinha feito o cadastro e a gente estava só esperando abrir o agendamento. O meu marido que tem dificuldade de locomoção foi vacinado em casa. Estamos felizes porque logo tudo isso deve passar”, afirma Zita.

Minutos antes da idosa receber a dose, quem estava na sala de vacinação era Doraci Braz da Silva, de 72 anos.

“A minha casa fica pertinho do posto. Ontem, a filha que mora em Criciúma agendou pra mim. Ela ficou feliz quando viu que tinha vaga aqui. É tão perto que eu vim caminhando”, conta a aposentada.

Antes de receber a vacina, além de apresentar a documentação que comprove a idade, a pessoa responde um questionário rápido. Os vacinadores precisam saber se a pessoa teve sintomas de Covid-19 nos últimos 30 dias e se tomou outras vacinas há duas semanas. É necessário esperar estes prazos para ser vacinado. Outra pergunta é para saber se a pessoa faz algum tipo de tratamento que possa resultar em quadros de imunossupressão. Nestas situações, o paciente deve apresentar uma autorização médica.

Para a coordenadora da UBSF Edla Jordan, Tarciana Regina Adriano, o modelo de imunização por agendamento colabora com a agilidade do processo. “Nós temos a sala especial para vacinação. Também atendemos a população que precisa receber os outros imunizantes. Com o agendamento para a vacina contra a Covid-19, conseguimos atender a demanda sem que as pessoas fiquem esperando muito tempo”, explica.

A orientação é que a população com mais de 60 anos e os trabalhadores da saúde realizem o pré-cadastro no site da Prefeitura de Joinville. Ele não garante vaga para a imunização, porém acelera o processo na hora de agendar e também é uma importante ferramenta para que os gestores da Rede Municipal de Saúde possam fazer um levantamento prévio do público a ser vacinado em cada faixa etária ou grupo prioritário.

Notícias de Balneário Camboriú - SC HOJE News

Todas as informações da Prefeitura de Joinville sobre Coronavírus estão disponíveis na página Coronavírus em Joinville.

Registrar manifestação para reclamação, sugestão ou elogio sobre estas informações. Para informações adicionais, registrar pedido de informação.

Comente com o Facebook