Coronavírus em SC: Saúde presta contas em audiência pública na Alesc

- PUBLICIDADE -

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Foto: Solon Soares / AgênciaAL

Representantes da Secretaria de Estado da Saúde (SES) apresentaram nesta quarta-feira, 24, o relatório de prestação de contas do terceiro quadrimestre de 2020, em Audiência Pública da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc). 

Durante a reunião, o secretário adjunto de Estado da Saúde, Alexandre Lencina Fagundes, explicou sobre as ações adotadas para conter o avanço da pandemia. O superintendente de Vigilância em Saúde, Eduardo Macário, abordou a situação da vacinação no Estado. Inclusive, nesta quarta, Santa Catarina já começou a distribuição de novas doses de vacina aos municípios.

Macário revelou que a SES pedirá ao governador que faça contato com a Pfizer para comprar vacinas da empresa caso o imunizante não seja incluído no Programa Nacional de Imunização (PNI). “Há entendimento técnico de que a responsabilidade do PNI é do governo federal, mas temos que ter planos B, C e D para garantir a imunização. Espero que a Umião cumpra seu papel, mas o governador Carlos Moisés anunciou R$ 300 milhões para compra de vacinas”, afirmou.

O secretário adjunto reforçou que existe uma preocupação com a situação e que esse momento é muito grave para o Estado. “Mostramos todas as ações realizadas e deixamos claro o papel do Governo para garantir assistência e atendimento a todos os catarinenses”, completou. 

Fagundes lembrou que o Estado tem empenhado esforços para oferecer toda a assistência à população em meio ao avanço da pandemia de Covid-19. Como resultado, nos últimos dias, o Executivo estadual, por meio da SES, pactuou a ampliação de 110 novos leitos de terapia intensiva em diversas regiões catarinenses e abriu 165 novos leitos clínicos de retaguarda Covid-19 no Oeste.

Ao final da reunião, a Alesc decidiu criar um grupo de trabalho para intensificar a participação do Parlamento nas ações de combate ao coronavírus. O objetivo do Legislativo é unir esforços para definir estratégias em um ano de enfrentamento à pandemia. O grupo será coordenado pela deputada Ada de Luca (MDB), que protocolou o requerimento sugerindo a ação.

Secretário da Saúde em Brasília 

Nesta quarta-feira, o secretário André Motta Ribeiro cumpre agenda em Brasília. Pela manhã, esteve no Ministério da Saúde (MS) para cobrar uma posição oficial sobre o calendário de vacinas e quantitativos enviados aos estados. Também apresentou pedido de aumento da oferta pelo MS para o Estado de testes de antígeno (1.100.000 testes) para entrega imediata. Ele ainda participará de reunião ordinária do Conselho Nacional dos Secretários de Saúde (Conass).

Na última semana, o secretário visitou unidades hospitalares e municípios, entre eles Chapecó, São Miguel do Oeste, Jaraguá do Sul e Blumenau, para verificar as demandas regionais. 

Mais informações para a imprensa:

Fabrício Escandiuzzi

Assessoria de Comunicação

Secretaria de Estado da Saúde – SES

Fone: (48) 3664-8820 / 99913-0316

E-mail: [email protected]

Site: portalses.saude.sc.gov.br