Fiesc doa 30 câmaras de resfriamento e 5 mil oxímetros para o governo de SC

O Governo do Estado recebeu uma importante doação para o enfrentamento da pandemia de Covid-19 em Santa Catarina. Em um ato simbólico, nesta segunda-feira, 8, o presidente da Federação das Indústrias (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar, oficializou ao governador Carlos Moisés a entrega de 30 câmaras de resfriamento para armazenar vacinas e outros cinco mil oxímetros, equipamento usado para medir o nível de oxigenação no sangue dos pacientes. O chefe do Executivo agradeceu a Fiesc pela doação.

“São equipamentos que vão auxiliar na guarda e conservação das vacinas que serão recebidas pelo poder público, para que a gente possa executar o nosso plano de imunização de todos os catarinenses. Também recebemos os oxímetros, que ajudam a medir a saturação de oxigênio no sangue de forma não invasiva. Eles ajudam a monitorar a condição do paciente, para saber se ele precisa de ventilação ou oxigenoterapia. É um instrumento fundamental”, diz Carlos Moisés. 

O presidente da Fiesc destacou a criação do Fundo Empresarial para Reação Articulada de Santa Catarina Contra o Coronavírus (FERA/SC), pelo qual a classe empresarial tem se articulado para realizar doações ao Governo do Estado.

“A ideia da Fiesc é participar da discussão e da resolução dos problemas que afetam Santa Catarina, o Brasil e o mundo. Esse é o caso da pandemia. Estamos disponibilizando, por meio desse fundo que criamos para suportar pequenas despesas, cinco mil oxímetros ao Governo do Estado, além dos refrigeradores. São equipamentos importantes para as vacinas, que representam algo fundamental para os catarinenses no momento”, diz Aguiar.

Segundo a Fiesc, o total investido para realizar as doações foi de R$ 1,2 milhão. Os oxímetros já foram entregues no fim do ano passado. As câmaras de resfriamento devem ser recebidas pelo Estado entre 15 de fevereiro e 5 de março.

Pelo Estado

Comente com o Facebook