Elba Ramalho diz que pandemia de Covid-19 veio para ‘destruir’ cristãos

Além disso a cantora disse, durante entrevista feita em live, que os fieis do cristianismo são ‘o incômodo’ dos comunistas

Imagem: Reprodução/Instagram @elbaramalhoNotícias de Balneário Camboriú - SC HOJE NewsDeclaração da cantora gerou revolta entre os internautas

A cantora paraibana Elba Ramalho polemizou ao dizer que a pandemia de Covid-19 veio para “destruir” os cristãos. A afirmação foi feita durante uma live com o Padre Marcos realizada no dia 28 de dezembro e que viralizou nas redes sociais nesta terça-feira, 5.  Além disso, no vídeo, a cantora diz que os fiéis são “o incômodo, o calo dos comunistas” e que os cristãos irão “permanecer fiéis” à religião e a Deus. “Estamos aqui cristãos sobrevivendo e vamos sobreviver a essa turbulência que a humanidade está atravessando. Para muitas pessoas apenas uma pandemia. Para nós (cristãos), o senhor sabe, eu sei, tem muito mais coisa por trás dessa pandemia com o intuito de nos destruir. Nós somos o incômodo, o calo dos comunistas. Mas nós também somos a resistência e vamos permanecer fiéis e Deus vai nos proteger”, disse a cantora no vídeo.

O registro viralizou e fez com que os internautas se revoltassem com o posicionamento da cantora. Alguns usuários do Twitter chamaram a declaração de “demência generalizada” e disseram que Elba estava “falando bobagem”. Até o momento da publicação desta matéria, a assessoria da artista não respondeu a reportagem da Jovem Pan. O nome de Elba estava entre os assuntos mais comentados do Twitter no Brasil.

Confira a fala da cantora abaixo:

Eu ouvi direito? Elba Ramalho afirmando que o COVID é um plano do comunismo para perseguir os cristãos?. pic.twitter.com/rdvd2UWmcg

— Malu (@MariaLuizaQuar3) January 5, 2021