Trabalhadores da área da cultura de Balneário Camboriú ganharão alimentos

    Para ajudar famílias de artistas que enfrentam dificuldades financeiras devido à pandemia de coronavírus (Covid-19), a Fundação Cultural de Balneário Camboriú entregará alimentos oferecidos por duas empresas.

    A empresa Seara Alimentos doou 740 quilos de bruster congelado (frango), 250 quilos de mortadela e 250 quilos de salsicha resfriada. Já a Vitao Alimentos Ltda disponibilizou 75 cestas básicas. A entrega às famílias será nos próximos dias, com o auxílio da Central de Doações e Voluntários da Prefeitura. As empresas atenderam a um pedido da presidente da Fundação Cultural, Denize Leite.

    “A Fundação Cultural agradece imensamente à Vitao Alimentos Ltda e à Seara Alimentos pelas doações que distribuiremos nos próximos dias aos artistas e feirantes cadastrados em nossa plataforma cultural on-line, minimizando assim os efeitos negativos dessa pandemia de Covid-19. Muito bom sabermos que existem empresas e empresários conscientes de sua responsabilidade social e prontos a colaborar com as nossas causas, principalmente nesse momento difícil, que venceremos com a força e a união de todos”, diz Denize.

    Receberão os donativos trabalhadores da área da cultura identificados como necessitados em um levantamento que a Fundação Cultural está fazendo para diagnosticar os impactos econômicos que a pandemia está causando a esses profissionais em Balneário Camboriú. Para elaborar o diagnóstico, um formulário está sendo enviado a feirantes, artesãos, produtores culturais, músicos e demais artistas de todos os segmentos. O questionário também pode ser acessado aqui. No formulário, há perguntas referentes ao que o artista ou produtor cultural deixou de executar devido à pandemia, à queda de renda, ao que está faltando na casa do profissional, entre outras.

    Empresas que quiserem fazer doações direcionadas para a área da cultura podem entrar em contato com a Central de Doações pelo telefone (47) 3264-0192.

    Comente com o Facebook