TPA e pedágios urbanos são discutidos em audiência pública da Alesc

Implementada há seis anos pelo município de Bombinhas, a Taxa de Preservação Ambiental (TPA) é cobrada de novembro a abril de todos os turistas que visitam a cidade. Vizinha de Bombinhas, Porto Belo sediou a segunda audiência pública que debateu a Proposta de Emenda à Constituição 1/2019, de autoria do Deputado Ivan Naatz (PL), que propõe vedar cobrança de tributos como a TPA.

🗣Participaram da reunião lideranças locais e moradores da região. A associação de moradores de Porto Belo entregou à Comissão de Turismo e Meio ambiente, responsável pela realização do evento, uma moção de apoio à PEC.

Comente com o Facebook